A deslocação, de dois dias, contempla reuniões com o Presidente da República e o Ministro dos Recursos Minerais. A baixa dos preços do petróleo que se verifica actualmente será abordada durante os encontros.

Angola defende a tomada de medidas que garantam a subida dos preços do crude. O barril tem variado entre 59 e 60 dólares, quando o Governo angolano estimou, no Orçamento de Estado para o próximo ano, o valor de 68 dólares.

Na semana passada, os produtores de petróleo decidiram, uma vez mais, reduzir a produção, a partir de Janeiro, para conter a quebra dos preços.

Esta temática está presente na Palestra em que Mohamed Sanuzi Barkindo vai intervir, subordinada ao tema, a OPEP e o seu Papel na Estabilização do Mercado Petrolífero. A iniciativa vai contar a presença de dirigentes e técnicos de empresas petrolíferas, bem como membros do Governo angolano.

O Secretário-Geral da OPEP tem também previstas visitas a infra-estruturas do sector do petróleo.

Os associados daquela entidade representam 40 por cento da produção mundial de crude.

Comentar

{{#image}}
{{/image}}
{{text}} {{subtext}}

Notícias Recentes

Prata para Portugal nos Mundiais de Atletismo

O atleta português João Vieira, de 43 anos, conquistou a med...

Portugal    01 outubro 2019

Empresa internacionais deixam de comprar produtos brasileiros

Entre essas firmas, encontram-se as marcas Timberland, Vanda...

Brasil    29 setembro 2019

Seca agrava-se no Sul de Angola

A falta de chuva está a afectar mais de dois milhões de pess...

Angola    27 setembro 2019

Pesticidas matam milhões de abelhas no Brasil

São milhões os enxames que desapareceram no sul do país. A r...

Brasil    25 setembro 2019

Guiné-Bissau celebra dia da Independência

Foi a 24 de novembro de 1973 que a Guiné-Bissau proclamava a...

Geral    24 setembro 2019