O governo de Cabo Verde decretou dois dias de Luto Nacional e um de tolerância de ponto em Santiago, esta quarta-feira, pela morte de Dom Paulino Livramento Évora, Bispo Emérito da Diocese de Santigo de Cabo Verde.

"O desaparecimento físico daquele que é considerado a Referência da Igreja Católica em Cabo Verde constitui uma perda irreparável e de comoção do povo cabo-verdiano.

Nesta conformidade, em consonância com o sentimento generalizado de pesar do povo cabo-verdiano, entende o Governo conceder tolerância de ponto no dia da cerimónia das exéquias, por forma a permitir a participação dos fiéis, em expressão de justa homenagem e reconhecimento ao Bispo Emérito Dom Paulino Livramento Évora", lê-se no perfil de Facebook do executivo cabo-verdiano.

A tolerância de ponto é concedida aos "funcionários do Estado, dos Institutos Públicos e das Autarquias Locais na ilha de Santiago", esclarece o governo em decreto, para "permitir a participação dos fiéis na cerimónia das exéquias" fúnebres. Ficam de fora as "Forças Armadas, a Polícia Nacional, a Polícia Judiciária, os Estabelecimento de Saúde, os Guardas prisionais e Vigilantes e os serviços que laborem em regime ininterrupto, cuja presença dos funcionários se torne imperiosa, os quais continuam a praticar os mesmos horários a que se encontram legalmente vinculados", esclarece-se no documento.

D. Paulino Livramento Évora faleceu aos 88 anos e foi primeiro cabo-verdiano a ser ordenado bispo, em 1975. 

 

(Foto: In Agência Ecclesia)

 

Comentar

{{#image}}
{{/image}}
{{text}} {{subtext}}

Notícias Recentes

Um milhão de euros para apoiar Presidenciais guineenses

A União Europeia vai apoiar a realização das eleições Presid...

Guiné-Bissau    02 outubro 2019

Prata para Portugal nos Mundiais de Atletismo

O atleta português João Vieira, de 43 anos, conquistou a med...

Portugal    01 outubro 2019

Empresa internacionais deixam de comprar produtos brasileiros

Entre essas firmas, encontram-se as marcas Timberland, Vanda...

Brasil    29 setembro 2019

Seca agrava-se no Sul de Angola

A falta de chuva está a afectar mais de dois milhões de pess...

Angola    27 setembro 2019

Pesticidas matam milhões de abelhas no Brasil

São milhões os enxames que desapareceram no sul do país. A r...

Brasil    25 setembro 2019