Os governos de Angola e Cabo Verde assinaram, quinta-feira em Luanda, três acordos que têm como objetivo pôr fim à dupla tributação entre os dois países e garantir a "assistência administrativa mútua em matéria aduaneira e fiscal", informação avançada no portal do executivo angolano.

Firmaram os referidos documentos os ministros das Finanças Archer Mangueira, por Angola, e Olavo Correia, pelo outro país africano de língua portuguesa. Acordos que, frisa o governo, "visam garantir a protecção recíproca de investimento e a livre circulação de bens e capitais". 

Para o ministro angolano com esta nova abordagem permitirá aumentar o investimento estrangeiro, com repercussões no crescimento da economia do seu país. Prevê-se ainda que daí resulte a troca de conhecimentos e competências, a construção de infra-estruturas, o aumento do emprego e também o incremento do comércio.

 

FOTO: @Minfin.gv.ao

Comentar

{{#image}}
{{/image}}
{{text}} {{subtext}}

Notícias Recentes

Presidente de Timor solicita constitucionalidade de diplomas aprovados no Parlamento

Em causa está a nova formulação das Leis do Fundo Petrolífer...

Timor-Leste    13 agosto 2019

Alemanha suspende investimentos no Brasil

Na base da decisão está a política ambiental do Governo Bras...

Brasil    12 agosto 2019

Há 500 anos começava a primeira viagem de circum-navegação

Há 500 anos o português Fernão de Magalhães e o espanhol Seb...

Portugal    10 agosto 2019

Angola e Cabo Verde acordam fim da dupla tributação

Os governos de Angola e Cabo Verde assinaram, quinta-feira e...

Geral    09 agosto 2019

Umaro Sissoco Embaló é candidato às Presidenciais

O MADEM-G15, Movimento para a Alternância Democrata – G15, r...

Guiné-Bissau    09 agosto 2019