Os governos de Angola e Cabo Verde assinaram, quinta-feira em Luanda, três acordos que têm como objetivo pôr fim à dupla tributação entre os dois países e garantir a "assistência administrativa mútua em matéria aduaneira e fiscal", informação avançada no portal do executivo angolano.

Firmaram os referidos documentos os ministros das Finanças Archer Mangueira, por Angola, e Olavo Correia, pelo outro país africano de língua portuguesa. Acordos que, frisa o governo, "visam garantir a protecção recíproca de investimento e a livre circulação de bens e capitais". 

Para o ministro angolano com esta nova abordagem permitirá aumentar o investimento estrangeiro, com repercussões no crescimento da economia do seu país. Prevê-se ainda que daí resulte a troca de conhecimentos e competências, a construção de infra-estruturas, o aumento do emprego e também o incremento do comércio.

 

FOTO: @Minfin.gv.ao

Comentar

{{#image}}
{{/image}}
{{text}} {{subtext}}

Notícias Recentes

Um milhão de euros para apoiar Presidenciais guineenses

A União Europeia vai apoiar a realização das eleições Presid...

Guiné-Bissau    02 outubro 2019

Prata para Portugal nos Mundiais de Atletismo

O atleta português João Vieira, de 43 anos, conquistou a med...

Portugal    01 outubro 2019

Empresa internacionais deixam de comprar produtos brasileiros

Entre essas firmas, encontram-se as marcas Timberland, Vanda...

Brasil    29 setembro 2019

Seca agrava-se no Sul de Angola

A falta de chuva está a afectar mais de dois milhões de pess...

Angola    27 setembro 2019

Pesticidas matam milhões de abelhas no Brasil

São milhões os enxames que desapareceram no sul do país. A r...

Brasil    25 setembro 2019