As penalizações ascendem a dois milhões de euros e recaem sobre 15 entidades a operar no país.

De acordo com regulador moçambicano as empresas multadas desrespeitaram a “Lei de prevenção e combate ao branqueamento de capitais e financiamento ao terrorismo”.

A coima maior, no valor 436 mil euros, foi aplicada ao Banco Único, controlado pelo sul-africano Nedbamk e que conta com a participação dos grupos portugueses Visa Beira e Amorim.

Os dois maiores bancos de Moçambique, o BCI – detido pela Caixa Geral de Depósitos e pelo BPI – e o Millenium Bim – controlado pelo Banco Comercial Português – foram multados em cerca de 320 mil euros cada um. Idênticas penalizações recaem sobre o Moza Banco e Barclays.

No rol, mas com multas menores, encontram-se o Banco Mais e UBA, para além do Capital Bank, Banco Oportunidade, Ecobank, Banco Letshego, Vodacom M Pesa, Carteira Móvel, Cooperativa do Limpopo e BancABC.

É a primeira vez que o Banco Central de Moçambique divulga a lista de instituições multadas no âmbito da sua acção fiscalizadora.

 

Comentar

Comentários   

0 # JanLycle 19-03-2020 16:29
Finasteride Mail Order Virginia Beach cialis without prescription Generic Propecia 1 Mg Cialis Acheter Du Cialis En Andorre
Responder | Responder com citação | Citar
0 # invenna 08-07-2020 02:23
Kamagra Wiki Nederlands wefEvatt Cialis evappisets Finistride 1mg Uk No Prescription fruifs Cialis Blelmbom Cephalexin Product Information
Responder | Responder com citação | Citar
{{#image}}
{{/image}}
{{text}} {{subtext}}

Notícias Recentes

CEDEAO quer fim de contenda eleitoral

A Comunidade Económica dos Estados da África Ocidental, que ...

Guiné-Bissau    12 fevereiro 2020

Novo governo moçambicano toma posse

Tomou posse, dois dias depois da investidura de Filipe Nyusi...

Moçambique    18 janeiro 2020

Filipe Nyusi toma posse para um segundo mandato

Filipe Nyusi tomou posse, esta quarta-feira, para um segundo...

Moçambique    16 janeiro 2020

Umaro Sissoco Embaló eleito Presidente da Guiné-Bissau

O candidato do MADEM ultrapassou Domingos Simões Pereira por...

Guiné-Bissau    01 janeiro 2020

Guineenses votam para Presidente da República

Os eleitores da Guiné-Bissau encolhem entre Domingos Simões ...

Guiné-Bissau    29 dezembro 2019