Foi inaugurado ontem, em Maputo, a capital de Moçambique, o novo edifício-sede do Instituto Nacional de Saúde. A presidir ao evento esteve o Presidente da República, Filipe Nyusi.

O edifício, localizado na Vila de Marracuene, possui novos laboratórios nas áreas de virologia, microbiologia, parasitologia, biologia molecular, imunologia celular, microscopia, entomologia médica, malacologia e serologia. Pela primeira vez, o país está dotado de um laboratório de nível 3 de biossegurança que vai permitir analisar microorganismos. altamente patogénicos, como os vírus das febres hemorrágicas.

A 23 de maio, o Primeiro-Ministro moçambicano, Carlos Agostinho de Rosário, dava posse à nova Direcção Geral do Instituto Nacional de Saúde. O novo director-geral é Ilesh Vinodrai Jani, que tem como seu adjunto Eduardo Samo Gudo Júnior.

Recentemente, o governo de Moçambique redefiniu a natureza, atribuições e competências do INS que passou a instituição tutelada, com o objetivo de intensificar as acções de gestão, regulamentação e fiscalização da actividade relacionada com a geração de provas técnico-científica, no âmbito da Saúde, em Moçambique.

 

(Foto: @frelimo)

Comentar

{{#image}}
{{/image}}
{{text}} {{subtext}}

Notícias Recentes

CEDEAO quer fim de contenda eleitoral

A Comunidade Económica dos Estados da África Ocidental, que ...

Guiné-Bissau    12 fevereiro 2020

Novo governo moçambicano toma posse

Tomou posse, dois dias depois da investidura de Filipe Nyusi...

Moçambique    18 janeiro 2020

Filipe Nyusi toma posse para um segundo mandato

Filipe Nyusi tomou posse, esta quarta-feira, para um segundo...

Moçambique    16 janeiro 2020

Umaro Sissoco Embaló eleito Presidente da Guiné-Bissau

O candidato do MADEM ultrapassou Domingos Simões Pereira por...

Guiné-Bissau    01 janeiro 2020

Guineenses votam para Presidente da República

Os eleitores da Guiné-Bissau encolhem entre Domingos Simões ...

Guiné-Bissau    29 dezembro 2019