A profissional de uma subsidiária das Linhas Aéreas de Moçambique acaba de ser promovida a Comandante de aeronaves comerciais. Quem viajar na MEX pode encontrar a moçambicana à frente de um avião Embraer 145.

Admira Vânia António foi admitida na empresa, em 2013, como co-piloto, para operar aeronaves daquela marca e modelo.

A Comandante, de 30 anos de idade, iniciou o seu percurso de piloto de aviões, em 2011, depois de ter tirado o brevet numa escola de voo sul-africana. No ano seguinte, obteve a licença de piloto comercial de aeronaves na Academia Sul Africana de Treino de Voo, integrando um grupo de cadetes da Moçambique Expresso.

O salto para os Embraer 145 deu-se, em França, em 2013. A partir desse ano passou a pilotar o modelo da empresa aeronáutica brasileira com a bandeira da MEX.

Depois de três mil e 500 horas de voo, de novos cursos e exames para Comandante de aviões comerciais, e tendo em consideração o seu desempenho, foi promovida àquele posto.

 

Comentar

Comentários   

0 # Stevkabeak 03-12-2019 08:45
Generic Isotretinoin Skin cialis overnight shipping from usa Priligy Au Canada
Responder | Responder com citação | Citar
{{#image}}
{{/image}}
{{text}} {{subtext}}

Notícias Recentes

Ao terceiro jogo angolanas ganham e Brasileiras perdem no Mundial de Andebol feminino

A terceira jornada da fase de grupos da competição ditou a p...

Geral    04 dezembro 2019

Primeiro-Ministro de Timor defende Orçamento Geral do Estado

Taur Matan Ruak considera que a despesa inscrita no document...

Timor-Leste    03 dezembro 2019

Governo estuda privatização do Banco do Brasil

A proposta está a ser elaborada pelo Ministério da Economia ...

Brasil    03 dezembro 2019

Sortes diferentes para angolanas e brasileiras no Mundial de Andebol

Na segunda jornada da prova, as representantes de Angola per...

Geral    03 dezembro 2019

Portugal vence Mundial de Futebol de Praia

É a terceira vez que a selecção lusa concretiza esse objecti...

Portugal    02 dezembro 2019