No âmbito da visita do Presidente do Botsuana a Maputo, foram assinados entendimentos no âmbito das ligações aéreas entre os dois países, da cultura e da vida selvagem.

Neste particular, o Botsuana vai doar 500 elefantes para repovoamento das áreas protegidas moçambicanas.

A espécie é uma das mais ameaçadas no território lusófono, não obstante ser um animal emblemático do país. Segundo indicadores oficiais, nos últimos nove anos Moçambique perdeu mais de 10 mil elefantes. Na maior Reserva do país, restam três mil 600 dos mais de 20 mil existentes em 2009.

O primeiro acordo estabelece que as linhas aéreas do Botsuana vão passar a realizar voos directos entre Maputo e Gaborone.

A companhia já faz a ligação, em Joanesburgo, a sete destinos comerciais e balneares das Linhas Aéreas de Moçambique.

As autoridades do Botsuana consideram que a antiga colónia portuguesa é “uma entrada para o mundo” que importa garantir. Nesse sentido, a transportadora do território tem estado a investir no alargamento da frota para garantir a sua expansão a novos destinos.

Os dois Estados também assinaram um acordo de cooperação que visa garantir a colaboração entre museus e a interacção entre artistas de ambos os países.

A visita do Chefe de Estado do Botsuana à capital moçambicana, abriu perspectivas de cooperação nas áreas da energia, agricultura e transportes.

Esta é a segunda deslocação a Moçambique de Mokgweetsi Masisi, desde que assumiu a presidência do país, em Abril.

Comentar

{{#image}}
{{/image}}
{{text}} {{subtext}}

Notícias Recentes

CEDEAO quer fim de contenda eleitoral

A Comunidade Económica dos Estados da África Ocidental, que ...

Guiné-Bissau    12 fevereiro 2020

Novo governo moçambicano toma posse

Tomou posse, dois dias depois da investidura de Filipe Nyusi...

Moçambique    18 janeiro 2020

Filipe Nyusi toma posse para um segundo mandato

Filipe Nyusi tomou posse, esta quarta-feira, para um segundo...

Moçambique    16 janeiro 2020

Umaro Sissoco Embaló eleito Presidente da Guiné-Bissau

O candidato do MADEM ultrapassou Domingos Simões Pereira por...

Guiné-Bissau    01 janeiro 2020

Guineenses votam para Presidente da República

Os eleitores da Guiné-Bissau encolhem entre Domingos Simões ...

Guiné-Bissau    29 dezembro 2019