A petrolífera dos EUA Anadarko Petroleum Corporation anunciou um acordo com a Mozambique LNG1 Company Pte. Ltd. que prevê o fornecimento de gás natural moçambicano à Indonésia.

O gás natural liquefeito - um milhão de toneladas métricas por ano, durante 20 anos - sairá da Área 1 da Bacia do Rovuma, na província de Cabo Delgado, no norte de Moçambique.

"Espera-se que a Indonésia seja um dos mercados de gás natural que mais crescerá na Ásia e a Pertamina, a empresa estatal de energia da Indonésia, terá um papel fundamental para responder às necessidades energéticas, de longo prazo, da Indonésia", lê-se na página da internet da petrolífera, que cita Mitch Ingram, vice-presidente executivo da mesma. 

O projecto de gás natural liquefeito de Moçambique é liderado pela Anadarko e, de acordo com a mesma fonte, citada no mesmo meio digital, "está bem posicionado" para assumir uma posição de destaque, de longo prazo.

A Anadarko Moçambique Área 1 descobriu a primeira reserva de gás natural recuperável, na Área Offshore 1, em 2010. Até agora foram descobertos cerca de 75 triliões de pés cúbicos.

Comentar

{{#image}}
{{/image}}
{{text}} {{subtext}}

Notícias Recentes

União Africana satisfeita com desempenho eleitoral da Guiné-Bissau

A Missão da União Africana faz um balanço positivo das Eleiç...

Guiné-Bissau    12 março 2019

PRS afasta cenário de maioria absoluta na Guiné-Bissau

O Partido da Renovação Social, PRS, foi o último, das princi...

Guiné-Bissau    12 março 2019

PAIGC clama vitória, MADEM - G15 diz que não há governo sem coligação

PAIGC e MADEM - G15 reagiram ontem, não aos resultados ou pr...

Guiné-Bissau    12 março 2019

CEDEAO faz avaliação positiva das Legislativas guineenses

Em conferência de imprensa, de apresentação da declaração pr...

Guiné-Bissau    12 março 2019

Portugal é campeão europeu de Atletismo em Pista Coberta INAS

A seleção portuguesa de Atletismo ANDDI/FPA19 conquistou...

Portugal    10 março 2019