Aquele órgão de soberania passa a ser dirigido por Pascoal Lima dos Santos Daio. Este juiz conselheiro é Doutorado em Direito pela Universidade de Paris.  

O magistrado, de 58 anos idade, exerceu funções de Presidente do Supremo Tribunal de Justiça de 1997 a 2001, tendo assumido, nos seguintes cinco anos a função de juiz conselheiro no mesmo órgão.

Pascoal Daio promete “transformar” o Tribunal Constitucional “numa peça fundamental” da “consolidação do Estado de direito e democrático”.

O seu principal objectivo é criar “um tribunal autónomo e com juízes completamente independentes”.  Magistrados que decidam, “no âmbito do contencioso constitucional, com maior independência e com a credibilidade necessária para a salvaguarda do Estado de direito.

O juiz definiu, como sua primeira prioridade, a criação de condições para que o Tribunal Constitucional funcione “com dignidade e em boas condições”.

A tomada de posse de Pascoal Daio foi presidida pelo líder do Parlamento de São Tomé e Príncipe.

Comentar

{{#image}}
{{/image}}
{{text}} {{subtext}}

Notícias Recentes

Demitidos dois Ministro na Guiné-Bissau

O chefe do Governo guineense exonerou os titulares das pasta...

Guiné-Bissau    17 maio 2019

Milhares de brasileiros protestaram contra o Governo de Bolsonaro

As manifestações decorreram em mais de duas centenas de cida...

Brasil    16 maio 2019

Angola candidata-se à Organização Internacional da Francofonia

Aquele país lusófono pretende ser membro observador da comun...

Angola    16 maio 2019

Universitários brasileiros protestam contra cortes nos financiamentos

À iniciativa de estudantes que frequentam o ensino superior ...

Brasil    15 maio 2019

Presidente de Moçambique preocupado com ataques no Norte do país

Pela primeira vez, Filipe Nyusi assumiu publicamente a gravi...

Moçambique    15 maio 2019