Foi adiada, para a próxima semana, uma tomada de decisão sobre a data em que será debatida pelo Parlamento timorense, a moção de censura apresentada pela Aliança de Maioria Parlamentar, composta pelos partidos da oposição.

As formações da Aliança de Maioria Parlamentar contestam a não apresentação de novo Programa pelo executivo, depois do chumbo do primeiro pelo Parlamento e apresentaram uma moção de censura ao governo.

De acordo com a constituição, se a moção for aprovada com maioria absoluta, o Governo tem de ser demitido pelo Presidente da República.

A forças políticas signatárias do documento detêm 35 dos 65 assentos parlamentares, o que torna inevitável a queda do executivo da FRETILIN.

Esta força politica considera que se está perante “um assalto ao poder”. Por seu lado, os partidos da oposição contestam o argumento afirmando que a sua decisão “é um processo normal, legal e constitucional”.

A moção de censura elevou a tensão no Parlamento, com os deputados a trocarem críticas, nalguns casos em tom exaltado.

 

(Foto: Presidência da República Democrática de Timor-Leste)

Comentar

{{#image}}
{{/image}}
{{text}} {{subtext}}

Notícias Recentes

Brasil vence Taça América

A seleção canarinha ganhou ao Peru, por três bolas a uma, na...

Brasil    08 julho 2019

Equipas lusófonas entram a perder nos Mundiais de Hóquei em Patins

Angola, em masculinos, e Portugal, em femininos, não lograra...

Geral    07 julho 2019

Centro Cultural Cabo Verde nasce em Lisboa

Foi inaugurado o Centro Cultural Cabo Verde, um pólo de prom...

Cabo Verde    07 julho 2019

Português Tiago Ferreira é campeão da Europa de Maratona BTT

Tiago Ferreira venceu o campeonato da Europa de Maratona BTT...

Portugal    07 julho 2019

Começa hoje o Mundial de Hóquei em Patins

A fase de grupos da prova começa hoje, 6 de Julho, em Barcel...

Geral    06 julho 2019