De acordo com novos dados do Fundo Monetário Internacional, a previsão de crescimento para o Brasil em 2017 será menos boa do que as estiamtivas anterior.

Em outubro o FMI previa um crescimento de 0,5%, agora diz que o crescimento do país não irá além dos 0,2%. Valores menos positivos apesar da instituição continuar a prever um crescimento de 3,4%, para este ano, em termos de economia global.

Apesar da revisão em baixa, o que significa que a economia recuperará mais lentamente, o FMI continua a acreditar que o Brasil crescerá em 2017, os setores que deverão crescre mais, e de acordo com os meios de comunicação brasileiros, serão aqueles que permitem à população recuperar artigos que se estragam já que, escrevem os média, os brasileiros não terão dinheiros para comprar novos artigos.

Esta nova estimativa do FMI Brasil vai contra uma outra das Nações Unidas, lançada também hoje, e que diz que o país vai recuperar 0,6%, depois de ter tido um crescimento negativo nos últimos dois anos.

Comentar

{{#image}}
{{/image}}
{{text}} {{subtext}}

Notícias Recentes

CEDEAO quer fim de contenda eleitoral

A Comunidade Económica dos Estados da África Ocidental, que ...

Guiné-Bissau    12 fevereiro 2020

Novo governo moçambicano toma posse

Tomou posse, dois dias depois da investidura de Filipe Nyusi...

Moçambique    18 janeiro 2020

Filipe Nyusi toma posse para um segundo mandato

Filipe Nyusi tomou posse, esta quarta-feira, para um segundo...

Moçambique    16 janeiro 2020

Umaro Sissoco Embaló eleito Presidente da Guiné-Bissau

O candidato do MADEM ultrapassou Domingos Simões Pereira por...

Guiné-Bissau    01 janeiro 2020

Guineenses votam para Presidente da República

Os eleitores da Guiné-Bissau encolhem entre Domingos Simões ...

Guiné-Bissau    29 dezembro 2019