O carvão mineral ultrapassou o alumínio na pauta dos produtos mais exportados por Moçambique no primeiro trimestre do ano. Relativamente ao mesmo período de 2016 o aumento foi superior a 200 por cento.

O minério representou mais de 33 por cento das vendas, totalizando um valor acima de 326 milhões de dólares.

O alumínio registou um aumento homólogo de quase 30 por cento, constituindo s segunda maior exportação de Moçambique, com um peso nas vendas ao estrangeiro superior a 25 por cento. O encaixe financeiro rondou os 250 milhões de dólares.

No mesmo período, Moçambique exportou bens no valor de mais de 976 milhões de dólares, superando em 40 por cento o valor registado, no mesmo período, no ano passado.

O carvão e o alumínio representam mais de 80 por cento das exportações globais do país.

 

Comentar

{{#image}}
{{/image}}
{{text}} {{subtext}}

Notícias Recentes

CEDEAO quer fim de contenda eleitoral

A Comunidade Económica dos Estados da África Ocidental, que ...

Guiné-Bissau    12 fevereiro 2020

Novo governo moçambicano toma posse

Tomou posse, dois dias depois da investidura de Filipe Nyusi...

Moçambique    18 janeiro 2020

Filipe Nyusi toma posse para um segundo mandato

Filipe Nyusi tomou posse, esta quarta-feira, para um segundo...

Moçambique    16 janeiro 2020

Umaro Sissoco Embaló eleito Presidente da Guiné-Bissau

O candidato do MADEM ultrapassou Domingos Simões Pereira por...

Guiné-Bissau    01 janeiro 2020

Guineenses votam para Presidente da República

Os eleitores da Guiné-Bissau encolhem entre Domingos Simões ...

Guiné-Bissau    29 dezembro 2019