Nenhum candidato obteve maioria absoluta na consulta de domingo. Funcionou a estratégia adoptada na campanha eleitoral, de todos contra Domingos Simões Pereira.

O candidato do PAIGC foi o mais votado, mas o resultado por si obtido não chegam para conquistar, desde já, a Chefia do Estado. Assim, vai ter de disputar o lugar com Umaro Sissoco Embaló, o segundo mais votado.

O candidato do MADEM logrou obter mais voto do que José Mário Vaz. O Presidente da guineense não conseguiu ser reconduzido, sendo o grande derrotado das Eleições. Nem nos três primeiros conseguiu ficar. Esta posição foi conquistada por Nuno Nabian.

Em face deste desfecho, Domingos Simões Pereira, já solicitou o apoio do dirigente da APU, partido da coligação governamental, bem como daquela força política.

O Presidente Guineense foi remetido para a quarta posição, entre os doze candidatos às Eleições. Na quinta posição ficou o antigo Primeiro-Ministro Carlos Gomes Júnior.

 Estes resultados ainda não foram confirmados pela Comissão Nacional de Eleições, mas tanto o PAIGC como o MADEM já assumiram, nas entrelinhas, que vai haver segunda volta, e que os seus representantes irão discutir o lugar,

O organismo eleitoral guineense apelou às forças políticas que se abtivessem de dar informações sobre os resultados, mas só anunciou a divulgação dos resultados provisórios para amanhã.

No entanto, a metodologia da contagem, pública, permite aos partidos saberem os resultados pouco tempo depois de fecho das urnas, a partir dos seus delegados e outros informadores nas mesas de voto.

Isto é, a forma como se processa a contagem e a metodologia usada para a divulgação dos resultados – lenta – estimula que os partidos antecipem dados sobre os mesmos, e que utilizem os mesmos como arma de arremesso política, bem como de especulação, como sucedeu nas legislativas que, em face da curta vantagem entre os dois primeiros, ambos tivessem cantado vitória antecipadamente.

A segunda volta das Eleições Presidenciais na Guiné-Bissau está marcada para 29 deste mês.

Comentar

{{#image}}
{{/image}}
{{text}} {{subtext}}

Notícias Recentes

Ao terceiro jogo angolanas ganham e Brasileiras perdem no Mundial de Andebol feminino

A terceira jornada da fase de grupos da competição ditou a p...

Geral    04 dezembro 2019

Primeiro-Ministro de Timor defende Orçamento Geral do Estado

Taur Matan Ruak considera que a despesa inscrita no document...

Timor-Leste    03 dezembro 2019

Governo estuda privatização do Banco do Brasil

A proposta está a ser elaborada pelo Ministério da Economia ...

Brasil    03 dezembro 2019

Sortes diferentes para angolanas e brasileiras no Mundial de Andebol

Na segunda jornada da prova, as representantes de Angola per...

Geral    03 dezembro 2019

Portugal vence Mundial de Futebol de Praia

É a terceira vez que a selecção lusa concretiza esse objecti...

Portugal    02 dezembro 2019