Filipe Nyusi anunciou, no sábado, na Praça dos Heróis Moçambicanos, na cidade de Maputo, que vai iniciar-se um movimento de condecoração de todos os combatentes da luta de libertação de Moçambique do colonialismo português. Os moçambicanos condecorados receberão a medalha "Veterano da Luta de Libertação Nacional". Um processo que o chefe de Estado diz decorrerá de "forma criteriosa e faseada no quadro do Sistema de Títulos Honoríficos e Condecorações", do país. Nyusi falava durante a cerimónia de exaltação dos heróis moçambicanos, que coincidiu com os 50 anos da morte do herói nacional, Eduardo Chivambo Mondlane.

"Queremos, com este acto, revelar à Nação e ao Mundo, o compromisso do povo moçambicano de imortalizar o legado de Eduardo Mondlane e de valorizar e honrar os feitos daqueles que lutaram para a independência do país", escreve o Presidente no seu perfil de Facebook.

Moçambique é uma antiga colónia portuguesa que se tornou independente a 25 de junho de 1975.

(Foto: @NyusiConfioemti)

Comentar

{{#image}}
{{/image}}
{{text}} {{subtext}}

Notícias Recentes

Presidente moçambicano vai condecorar veteranos da luta pela libertação

Filipe Nyusi anunciou, no sábado, na Praça dos Heróis Moçamb...

Todas as Notícias    03 fevereiro 2019

Museu do Campo de Concentração do Tarrafal recebe 9000 visitas

Foram 22096 as pessoas que visitaram, em 2018, os museus de ...

Cabo Verde    03 fevereiro 2019

Luanda recebe navios encomendados por José Eduardo dos Santos

Chegaram a Angola seis dos 17 navios patrulha encomendados, ...

Angola    02 fevereiro 2019

Cinco partidos da Guiné-Bissau assinam acordo eleitoral

O entendimento, envolvendo PAIGC, PCD, PND, UN e PUN visa, e...

Guiné-Bissau    01 fevereiro 2019

Desastres como os de Mariana e Brumadinho podem repetir-se no Brasil

No país, mais de 700 barragens apresentam risco de ruptura c...

Brasil    01 fevereiro 2019